Meu Filho, meu Tudo

2
Lembro como se fosse hoje o dia do nascimento do meu filho Allan e olha que são 25 anos hoje. Acordei triste por não poder ficar junto dele hoje, mas também feliz por ele ser o filho mais maravilhoso que uma mãe poderia  ter...
Recordo dele bebezinho, poxa que menino danado, uma pestinha mesmo, não parava nada quieto em casa. Quebrava tudo o que via pela frente, e as meninas sofriam com ele. No Colégio das freiras onde estudava,  era vidro quebrado, mordida em professora, reclamação todo dia... e eu batia nele, mas não adiantava.Era um pestinha mesmo. Certa vez, ele enfiou uma agulha de croché na batata da perna da babá e a coitada se pôs a correr pela casa com a agulha enfiada. Pense na agonia e no meu desespero...
No primeiro dia em que o coloquei na natação, foi só o professor se virar e ele deu um  vôo na piscina que o dente ficou lá no fundo...já era o permanente acho que ele tinha 7 anos .Fiz o professor procurar o dentinho e levei pro dentista colar.
Talvez isso tenha sido o fato marcante para ele crescer e querer ser dentista...rsrsrsrs.
O tempo foi passando e ele foi modificando, tanto que no judo era exemplo de disciplina e obediência.E enchia a minha casa de medalhas.
Assim foi o meu menino, entre tantas presepadas, que eu passaria o tempo todo aqui escrevendo as peripécias que ele aprontava...
Hoje é o meu orgulho,  estudioso,obediente,carinhoso, e daqui a um tempinho, o melhor cirurgião Dentista!

Te amo Allan, muito, muito, muito...
Parabéns pelo teu dia!



2 comentários:

Cacá - José Cláudio disse... [Responder Comentário]

Parabéns e uma vida fecunda e de muita saúde e sucesso para o seu filhão, Teresa.
PS: ele é a sua cara.rsrs.
Abraços. paz e bem.

Anônimo disse... [Responder Comentário]

É lindo seu filho!!! =)
ribelly